Saúde feminina

Câncer de Mama e Alimentação: qual a relação?

Publicado em:

16/1/2024

Atualizado em:
16/1/2024
mulher verificando o peito em busca de nodulos indicando cancer de mama

Uma alimentação saudável é fundamental para a prevenção e apoio ao tratamento do câncer de mama, uma vez que contribui para a saúde geral e pode ajudar a gerenciar os efeitos colaterais do tratamento, além de alguns estudos sugerirem que certos padrões alimentares podem estar relacionados ao risco de desenvolvimento da doença.

Prevenção do Câncer de Mama Através da Dieta

Consumo de Frutas e Vegetais

A ingestão de frutas e vegetais proporciona uma variedade de nutrientes e antioxidantes, os quais podem proteger as células do corpo contra o câncer.

Gorduras Saudáveis

Incluir gorduras insaturadas saudáveis, como as encontradas no azeite de oliva, abacate e peixes ricos em ômega-3, pode beneficiar a saúde geral e possivelmente reduzir o risco de câncer de mama.

Redução do Consumo de Alcool

Limitar o consumo de álcool é aconselhado, pois o álcool está associado a um aumento do risco de câncer de mama.

Manutenção de Peso Saudável

A obesidade após a menopausa está ligada a um risco maior de câncer de mama, portanto, manter um peso saudável através de uma dieta equilibrada e atividade física pode diminuir esse risco.

Fibras Alimentares

Dietas ricas em fibras apoiam a digestão e podem ajudar a reduzir o risco de desenvolvimento de vários tipos de câncer.

Alimentação e Tratamento do Câncer de Mama

Nutrição Adequada Durante o Tratamento

Manter um consumo adequado de calorias e nutrientes é fundamental durante o tratamento, especialmente se enfrentar efeitos colaterais como perda de apetite, náuseas ou vômitos.

Hidratação

É importante beber líquidos suficientes, especialmente se o tratamento estiver causando desidratação.

Proteínas e Calorias Extras

A necessidade de proteínas e, às vezes, calorias, pode ser maior durante o tratamento, a fim de apoiar a cura e recuperação do corpo.

Alimentos Confortáveis

No caso de mucosite ou outras irritações orais, alimentos suaves e fáceis de engolir podem ser melhores opções.

Gerenciamento de Efeitos Colaterais

Modificar a dieta pode ajudar a lidar com efeitos colaterais como diarreia ou constipação, escolhendo alimentos que ajudem a regular o sistema gastrointestinal.

Dieta Após o Tratamento

Apoio à Recuperação

Após o tratamento, a alimentação continua sendo uma parte importante da recuperação, promovendo a saúde e o bem-estar geral.

Prevenção de Recorrência

Embora não exista uma garantia de prevenção de recidivas, uma dieta nutritiva, combinada com um estilo de vida saudável, pode ajudar a minimizar o risco.

Consultoria Profissional em Nutrição

Um nutricionista pode ajudar a criar um plano de alimentação personalizado durante e após o tratamento do câncer de mama, focando nas necessidades e preferências individuais.

Dificuldade em perder peso, cansaço excessivo, falta de disposição?
Conheça a experiência LitiHomem-preparando-uma-salada
Quer saber mais sobre o tema:
Saúde feminina
?
Newsletter Assuntos em Alta

Conclusão: Alimentação Como Aliada na Luta Contra o Câncer de Mama

Os hábitos alimentares têm um impacto significativo na prevenção do câncer de mama, bem como no apoio ao tratamento e recuperação. A adoção de uma dieta rica em diversos nutrientes e a manutenção de um estilo de vida saudável podem ser importantes para a redução do risco de desenvolvimento e recorrência da doença. Pacientes devem trabalhar junto a profissionais de saúde para assegurar o melhor plano nutricional para suas necessidades.

Mulher-abrindo-liti-box
Seu copiloto para um novo estilo de vida
Conte com um cuidado contínuo para perder peso e viver com saúde.
Conheça a Liti
Descubra o plano para você
Liti Saúde

Escrito por

Liti Saúde
Artigo em revisão médica
logo-spotifylogo-instagramlogo-youtubelogo-linkedin
Logo-liti
CNPJ: 41.932.733/0001-41
descubra o plano para você